5 dicas inteligentes para você investir em imóveis

Investir em imóveis não é novidade nenhuma.

Há anos esse tipo de investimento é o primeiro da lista quando se pensa em uma forma de ter um ganho extra com rendimento estável num investimento seguro.

Para fazer a coisa dar certo não é preciso ser nenhum expert, mas é necessário um certo empenho.

É importante ter um pouco de conhecimento administrativo, dedicação, racionalidade, uma certa malícia e jogo de cintura.

Por isso, neste texto vamos dar 5 dicas para você investir em imóveis de forma inteligente e eficaz!

1. Comece fazendo o certo

Investir em imóveis é bastante atraente, mas pode ser bem arriscado se você não souber fazer isso da maneira correta.

Comprar um imóvel é uma tarefa meticulosa e muitos pontos devem ser levados em conta antes de efetivar uma compra.

Hoje em dia o mercado tem centenas de opções de imobiliárias, incorporadoras e construtoras e muitas delas acumulam outras centenas de processos jurídicos e administrativos pelas mais diferentes razões.

A falta de informação é o caminho para que esse número de problemas só aumente.

Para evitar cair numa cilada, pesquise, investigue e certifique-se da seriedade, procedência e veracidade das empresas com as quais for negociar.

A internet hoje em dia é uma ótima parceira para esse tipo de pesquisa, já que facilita o acesso a informações de diferentes empresas, além de também pode ser o melhor caminho para encontrar o imóvel que você procura.

2. Invista em terrenos

Comprar um pedaço de terra pode, num primeiro momento, não parecer algo difícil ou complicado.

Mas, apesar de se tratar de um espaço aberto, comprar um lote não é tarefa simples.

O terreno, mesmo que vazio, não deixa de ter muitos detalhes que devem ser observados.

O cuidado na hora da escolha e compra vão refletir na lucratividade do local no futuro.

Quanto mais fácil o terreno for para que se trabalhe nele, mais valorizado será.

Lotes angulosos, irregulares e com solo inapropriado podem elevar os custos de preparo para construção e desvalorizar o espaço.

3. Fique atento à localização do seu imóvel

Seja qual for o tipo de imóvel que você pensa em investir é importante ficar atento à localização.

Lugares mais urbanizados são sempre os mais valorizados.

Embora seja fato que, muitos terrenos uma vez considerados em locais distantes e pouco interessantes podem vir a tornar-se ótimos investimentos.

Para encontrar esses “azarões” do mercado imobiliário você deve procurar bairros novos e em formação ou buscar saber de espaços onde terão futuros investimentos municipais.

Investir em terrenos mais distantes, porém em lugares com possibilidade de expansão pode ser uma boa alternativa.

Bairros novos ou distantes do centro podem ter imóveis mais baratos e, dependendo do seu projeto e intenção de investimento, pode ser a melhor opção quando o custo-benefício é colocado em questão.

4. Construa para alugar

Se tem um negócio no ramo imobiliário que é bastante lucrativo é a construção de imóveis para vender ou alugar.

No caso de venda, o valor gasto na construção é sempre bem inferior ao que será pago pelo comprador, portanto com lucro é garantido.

Já para quem prefere manter o imóvel como patrimônio para ganhar dinheiro, sabendo como fazer, pode ter uma renda extra muito interessante.

Habitação ainda é e continuará sendo por muito tempo produto em falta no mercado, por isso a procura por aluguéis ainda é bastante alta.

Além da formação de novas famílias que nem sempre podem logo de início investir num imóvel próprio, há outras vertentes que garantem a durabilidade da procura por locação: pessoas que saem de casa e querem morar sozinhas, estudantes e novos profissionais procurando local para morar, etc.

A grande sacada aqui é ter em mente a lei da oferta e procura, o custo-beneficio que seu imóvel irá proporcionar onde for construído para ser alugado.

De maneira geral o risco nesse tipo de investimento é baixo e você garante uma renda, além de dificilmente perder dinheiro com o imóvel que tende a valorizar com o tempo.

5. Compre na planta

Comprar um imóvel ainda na planta, assim como na compra de um terreno, significa dispor de um dinheiro para investir em um local do qual você não irá usufruir ou lucrar imediatamente.

Mesmo assim, este tipo de investimento aumentou muito nos últimos anos, isso porque o valor pago pode ser até 40% mais barato do que valerá quando estiver pronto.

Muitos investidores compram e logo revendem, outros esperam o imóvel valorizar ainda mais.

Um dos imóveis mais procurados nesse tipo de negócio são os apartamentos.

Para buscar um que seja do seu gosto e caiba no seu bolso você pode fazer uma pesquisa na sua região.

Quem procura apartamentos à venda em Barueri – SP, por exemplo, basta visitar um site de buscas como o Site Imóvel para encontrar apartamentos à venda em Barueri.

Outro ponto importante que deve ser observado antes de investir nesse tipo de negócio é que a grande procura por imóveis na planta fez com que o fator de risco aumentasse, já que muitas construtoras efetuam a venda e não conseguem cumprir prazos estipulados.

Informe-se nos órgãos competentes como, por exemplo, o PROCON para saber a situação da construtora, ter acesso a lista de inadimplentes ou número de reclamações.

Esse procedimento inclusive é recomendado para todo tipo de compra não somente para imóveis na planta.

Bons negócios!