Como destacar a sua empresa no mercado

(Artigo escrito por Dan Strougo)

Se você acha que Marca é uma questão para empresas como Amazon, Google e Coca-Cola, está enganado.

Estudos realizados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) apontam que 75% das empresas que investiram em design como parte de uma estratégia de Branding, registraram aumentos nas vendas.

Mas o que é Marca afinal? Melhor começar pelo o que a sua marca não é.

  1. Sua Marca não é o seu logo
  2. Sua Marca não é o seu produto
  3. Sua Marca não é a sua identidade visual

Uma Marca é na verdade a sensação, impressão, que uma pessoa tem sobre uma empresa, um serviço, um produto.

Quando uma pessoa entra em contato ou mesmo pensa sobre a sua empresa o cérebro dela irá concluir, em uma fração de segundo, uma opinião sobre a sua Marca. Opinião esta, na maior parte das vezes, disfarçada de sentimento.

Chegamos ao ponto de realmente amar, adorar, estar apaixonado por uma Marca.

Imagine um mundo sem Havaianas? Jamais! Sem Disney? Não ouse! Sem Apple? Nããão!

Sua tradução “brand” dá origem ao termo “Branding” (já ouviu esse nome por aí, não é mesmo?).

O Branding é uma atividade que pode muito bem ser realizada por você, em sua micro empresa, e tudo começa com um excelente produto. Não há Branding (ou milagre) que faça um produto ruim ser desejável ou produzir sensações positivas nas pessoas ao longo de muito tempo.

Faça Diferente

Não existe um ser humano igual ao outro assim como não deveria existir uma empresa igual à outra.

A realidade é que uma insegurança natural acaba nos fazendo olhar para o lado atrás de conselhos e acabamos ficando parecidos com a concorrência. Como o seu cliente, o seu funcionário, o seu fornecedor vai te reconhecer se você parece, age e entrega os mesmos valores que todo o mundo?

Para fazer diferente, tem que olhar para dentro e não para o lado.

Perceba nesta reflexão o que faz o seu negócio ser único, no mundo inteiro. Seria a sua capacidade de gerenciar uma produção ultra-eficiente? Seria o jeito com que trata as pessoas como se elas fossem reis e rainhas? Seria entender um grupo de pessoas com uma paixão compartilhada muito evidente? O que você faz de melhor? O que faz de você único?

Abrace este auto-conhecimento sem medo e foque toda a sua energia nele.

Era uma vez uma Granja que produzia ovos. O que eles faziam melhor que ninguém? Dar tratamento VIP para as suas galinhas que viviam soltas, em áreas protegidas, bebiam água corrente, ciscavam milho orgânico e deitavam à sombra para proteger-se do sol quente. Seus ovos eram espantosamente maiores e estudos comprovaram que eram mais saudáveis que os da concorrência.

Mas por conta deste cuidado todo, não tinham a mesma eficiência de uma ‘fábrica’ de ovos que confina suas galinhas em gaiolas empilháveis. O preço final era um problema e as vendas não iam bem.

Não obstante, ao invés de passar a tratar suas galinhas como todos os outros produtores, a Granja que acreditava que ao tratar bem seus animais fazia um bem para o mundo (já que os funcionários se apegavam aos bichos e as pessoas experimentavam mais saúde ao comer seus ovos) abraçou a causa sem medo e passou a basear a sua Marca na ideia de que os seus ovos não eram ovos de quaisquer galinhas. Eram ovos de galinhas felizes!

Passaram então a manifestar essa ideia em toda a sua organização. Fizeram questão de tratar as galinhas ainda melhor, reforçaram este conceito para todos os funcionários, explicaram aos seus fornecedores de milho porquê era tão importante que os vendessem milho da melhor qualidade e estabeleceram uma comunicação com as pessoas que compravam seus produtos que não deixava dúvida sobre o que estava acontecendo na Granja.

Tanto o site, quanto o vendedor ao telefone deixavam patente que ali não se produzia qualquer ovo, que as galinhas não eram quaisquer galinhas. Na prateleira do supermercado, dentre dezenas de caixas, cujo conteúdo não se distinguia um do outro, lia-se em uma delas ‘Estes São Ovos de Galinhas Felizes’.

O resultado não poderia ter sido melhor! Mesmo com preço 30% mais caro, as vendas duplicaram de volume! A Granja já sabia que existia uma fatia do público que se guiava exclusivamente pela etiqueta de preço do produto. Mas, para a sua alegria descobriu também, que existia uma parte dos consumidores que não queriam participar dos maus tratos às galinhas e que entendiam (assim como eles) que animais bem cuidados rendiam alimentos melhores e que não se incomodavam em pagar mais por ovos de galinhas felizes.

E viveram (as galinhas e os donos da Granja) felizes para sempre…

Portanto, caro leitor, descubram o que o negócio de vocês possui de único e não desperdicem sua energia copiando o que já foi feito.

Você irá descobrir a vocação da sua empresa e poderá inspirar uma comunidade à sua volta para compartilhar os mesmos valores da sua Marca.

Encontre no Design o aliado para tangibilizar esta vocação na forma de logo, site, embalagem, uniforme e todo o resto.

Já sabemos, neste último post, que existem formas bem acessíveis e com qualidade para criar seu logotipo e outros projetos de design com a 99designs.

Por fim, lembrem que todas as Marcas que tanto amamos hoje, ontem já foram pequenas como a sua.