Respiração

“Eita.

Começou o treino, ele já veio pra cima e eu nem percebi.

Já passou a guarda, chegou na minha lateral e saiu amassando.

Nem dez segundos se passaram e eu já estou na pior.

O que faço agora?”

Quantas e quantas vezes você já não ficou em situações onde a vida amassou a sua cara contra o chão e fez você pensar ser impossível sair daquele aperto?

Uma, duas, três?

Se há algo que aprendi no jiu jitsu, é que quando a situação aperta, a primeira coisa que você deve fazer é colocar atenção na sua respiração.

Ao invés de ficar remoendo os erros que cometeu durante o treino para chegar naquela situação ou ficar imaginando como a situação pode piorar, você simplesmente deve focar na sua respiração.

Não tem como você querer controlar as situações que o adversário te impõe sem antes controlar a si próprio.

Ficar nervoso, remoendo mentalmente o que aconteceu ou o que está por vir, só dará mais chances para você ser amassado.

O mesmo ensinamento podemos aplicar na nossa vida.

Da próxima vez que você ficar tenso, nervoso ou aflito com as coisas que acontecem no seu dia-a-dia dê uma examinada em como você está respirando.

Você vai perceber que a sua respiração normalmente fica descontrolada em uma situação dessas.

E de fato, nós não temos menor controle sobre o que acontece fora de nós.

Só podemos controlar a nós mesmos.

É avião que cai, ônibus que bate, pessoas que morrem, vasos que quebram, pessoas que ficam nervosas conosco, enfim…

Todos os dias acontecem coisas à nossa volta que nos balançam emocionalmente, mas que se dermos vazão a esta emoção, tornar-se-ão maiores do que realmente são.

Controle a sua respiração, volte para o presente e assuma o controle sobre a única coisa que você realmente pode controlar.

A si mesmo.


Conteúdo extra: baixe o livro Como Investir Começando do Zero e aprenda como você pode investir melhor o seu dinheiro sem ser um especialista.