skip to Main Content

Após umas 5 semanas afastado do jiu jitsu por causa de problemas pessoais, trabalho e reorganização de agenda, voltei hoje ao tatame.

Cheguei uns 20 minutos antes, cumprimentei o pessoal que estava na recepção, fui me trocar e logo depois estava pisando no tatame branco da Atos Curitiba que tanto me faz bem.

Naquele momento eu percebi que acontecesse o que acontecesse na minha vida daquele lugar eu não poderia me afastar porque o meu coração se sentia vivo ali.

Não importa se eu vou ficar ofegante logo depois do aquecimento ou se vou tomar muito amasso durante o treino.

Não importa.

Quando o seu coração está onde ele deve estar sua energia vital tem a força necessária e própria para se deleciar até mesmo nos mais apertados amassos.

É por isso que não vale à pena trabalhar em algo que não nos dá satisfação e prazer.

Trabalhar em algo só por trabalhar não faz qualquer sentido para o seu desenvolvimento pessoal.

É tolo.

É mesquinho.

Assim como também ficar em um relacionamento amoroso onde você não se sente bem e o seu coração não pulsa.

Trocamos o amor pela utilidade.

– Ficamos em um trabalho porque ele é útil.
– Casamos com uma pessoa porque ela é útil.
– Fazemos coisas diariamente porque são úteis.

E utilidade nada tem a ver com estar onde o coração precisa estar.

UTILIDADE NADA TEM A VER COM AMOR!

Hoje, olhando para os meus pés naquele tatame branco, vestido com aquele quimono com cheiro de quem ficou no armário por mais de um mês e olhando para os meus colegas de treino pensei:

“É aqui que o meu coração quer estar e é aqui que eu sempre quero estar.”

Que essa presença de espírito possa ser levada para o nosso trabalho, para o nosso relacionamento amoroso e para tudo aquilo que fazemos.

Se o seu coração não estiver bem onde você está, não se force.

Peça pra sair e vá em busca de um lugar onde ele possa ser feliz e bater mais forte.

Este post foi um oferecimento de:
Como Investir do Zero, o novo eBook sobre investimentos do Guia Invest.

Marcos Rezende

Redator freelancer, orientador de produção textual na Mentoria da Palavra, criador de sites em WordPress na DoutorWP, graduando em Filosofia na UFPR e faixa roxa de jiu-jitsu brasileiro pela equipe Atos Loyalty Curitiba.

Back To Top
Compartilhar
Twittar
Pin
+11
Compartilhar