Seguro Garantia Financeira: Como, Quando E Por Que Usar O Recurso?

Dificuldades de pagar algum imposto ou cumprir obrigações contratuais acontecem com frequência entre muitas empresas, em consequência, inadimplência e outros prejuízos financeiros. Reverter essa situação ficou mais fácil com a implementação do Seguro Garantia Financeira, recurso cada vez mais forte no mercado. 

Regulamentado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep), o Seguro Garantia tem como função cobrir as obrigações financeiras exigidas aos clientes, que, além de acessível, têm custos reduzidos. 

Quer saber mais sobre o Seguro Garantia? Então veja o que vamos abordar neste artigo:

  • O que é Seguro de Garantia Financeira?;
  • Onde o Seguro Garantia Financeira é solicitado?;
  • Qual a diferença entre Seguro Garantia Financeira e Carta Fiança Bancária?;
  • Qual o prazo do Seguro Garantia Financeira?;
  • Quais as condições da apólice do Seguro Garantia Financeira?;
  • Qual seguradora faz Seguro Garantia Financeira?

E muito mais. Acompanhe a gente!

O que é Seguro de Garantia Financeira?

O Seguro de Garantia Financeira tem como proposta atender tanto empresas privadas quanto públicas, a fim de proteger a garantia das obrigações contratuais relacionadas à entrega de serviços, bens, produtos, recursos  e prazos. 

Outro benefício é que o documento assegura às empresas processos judiciais, execuções fiscais e outros fatores que possam colocar em risco  o patrimônio, as finanças, bem como a execução e o término de projetos.

Onde o Seguro Garantia Financeira é solicitado?

De modo geral, o Seguro Garantia Financeira se aplica em várias modalidades do setor público ou privado. Entre elas, destacam-se:

  • Seguro garantia do licitante;
  • Seguro garantia para licitações e concessões;
  • Seguro garantia do executante;
  • Seguro garantia de retenção de pagamentos;
  • Seguro garantia no adiantamento de pagamentos;
  • Seguro garantia de perfeito funcionamento;
  • Seguro garantia imobiliário;
  • Seguro garantia aduaneiro;
  • Seguro garantia para concessões;
  • Seguro garantia administrativo;
  • Seguro garantia judicial.

Todavia, o Seguro Garantia Financeira funciona da seguinte forma:

O Tomador é a parte que assume a responsabilidade do que foi acordado com o contratante, ou seja, ele é quem fará a entrega à seguradora. 

O segurado, ou contratante, é a pessoa física ou jurídica que aciona os serviços do Tomador. Em outras palavras, é quem receberá o que foi determinado em contrato, por isso, consideramos a parte que se beneficiará da apólice. 

E, por último, a seguradora como intermediária da situação. É ela quem emite a apólice do seguro do que foi determinado em contrato pelo Tomador e o Segurado. 

Qual a diferença entre Seguro Garantia Financeira e carta fiança bancária?

Como identificamos, o seguro garantia financeira protege as empresas de descumprimento de contrato, evitando ações judiciais por meio de uma seguradora. 

Já a carta fiança bancária tem o banco como proteção, a qual enviará uma carta a você. Caso seja comprovada a inadimplência, você poderá receber a indenização monetária do banco, mas irá arcar com o ônus da contratação de um novo prestador de serviços que dará andamento ao contrato.

Cabe ressaltar que a carta Fiança Bancária compromete o limite de crédito da empresa junto aos bancos

Qual o prazo para o Seguro de Garantia Financeira?

Quem opta pelo Seguro Garantia Financeira tem como vantagens usá-lo em pouco tempo, isso porque o recurso é aprovado em minutos. Em casos maiores, não passa de 24 horas. Diferente da carta Fiança Bancária, que em qualquer caso precisa de 15 dias para ser aprovada. 

Gostou da ideia? Então veja outras vantagens do Seguro de Garantia Financeira:

  • taxas de 3 a 5 vezes menores que as bancárias;
  • limite de crédito livro, pois por ser emitido por uma seguradora, não há bloqueio;
  • vigência ajustável.

Quais as condições da apólice do Seguro Garantia Financeira?

A apólice é um documento assinado pela seguradora que serve como garantia referente ao contrato principal. É fundamental sinalizar três condições essenciais para a sua formação:

  • Tempo de vigência: duração equivalente ao prazo determinado no contrato principal;
  • Objeto: termo que garante o cumprimento das obrigações assumida pelo tomador;
  • Prêmio: valor pago pelo tomador à seguradora durante a vigência da apólice. 

Quem faz Seguro Garantia Financeira?

O seguro para empresas é uma modalidade fundamental para o andamento das atividades em diversos órgãos. Isso porque as corretoras têm papel essencial na regularização dos cumprimentos contratuais. 

Por essa razão, ao sentir-se prejudicado, recorra a uma seguradora qualificada, pois ela conhece as regras e está apta a emitir as apólices do tomador em favor do segurado. 

Com experiência em ramos de seguros, resseguros e riscos, a MDS Brasil é a solução perfeita para você.

Pertencente ao MDS Group, ela possui uma carteira de prêmios emitidos em R$2 bilhões, diversificando suas atividades ao redor do mundo. Somente no Brasil são mais de 650 colaboradores, distribuídos por 12 escritórios em SP, RJ, PR, MG, SC, BA, RS e PE. Sua chance de transformar os problemas de bens e serviços está em boas mãos. 

Este post foi escrito especialmente para o blog Insistimento e é uma iniciativa da MDS Brasil de apresentar os benefícios do Seguro Garantia Financeira para sua empresa.

Insistimento Portal de Notícias